Cálculos Renais

Os Cálculos Renais são pequenos fragmentos sólidos que se formam internamente nos rins por inúmeros motivos. Entenda mais logo abaixo.

Artigo publicado por Roberto Magalhães nas categorias: Doenças

Diminuidor

Os Cálculos Renais, ou pedras nos rins, são minúsculas e sólidas partículas que se reproduzem dentro dos rins. Esses elementos são compostos por ácido e sais minerais. O problema pode ser causado por diversas razões e, deste modo, pode prejudicar qualquer região do trato urinário. E a principal justificativa para a formação dessas pedras é quando a urina fica densa, o que permite que os minerais se cristalizem.

Quando a pedra é eliminada através da urina, pode causar muita dor, porém, essa ação não promove nenhum prejuízo permanente. Dependendo do estado do paciente, é possível se tratar somente com o uso de medicamentos para a dor e tomar muita água para eliminar mais facilmente os cálculos renais. Em determinados casos, a cirurgia pode ser necessária. Além disso, o médico pode sugerir um tratamento de prevenção para diminuir o risco de reaparecimento das pedras.

Sintomas dos Cálculos Renais

dor no rim

Os Cálculos Renais podem não apresentar sintomas até o momento em que as pedras movem-se para dentro dos rins ou transpassam pelo ureter. Caso essa ação ocorra, os sintomas podem ser:

  • Dor no abdome ou na lombar
  • Dor que atinge do abdome inferior até a virilha
  • Dor ao urinar
  • Urina de cor rosada, vermelha ou marrom
  • Urina turva ou com mau cheiro
  • Enjoo e vômito
  • Vontade excessiva em urinar, mesmo sem ter líquido para expelir
  • Urinar mais frequentemente do que o normal
  • Febre acompanhada por calafrios, se houver infecção

Quando Buscar um Médico:

  • Sentir uma dor tão intensa que se torna impossível ficar parado ou confortável
  • Dor associada por náuseas e vômitos
  • Febre e calafrios
  • Urina com sangue

Tipos dos Cálculos Renais

Saber identificar o tipo de pedra no rim ajuda a determinar a causa da doença. Conheça quais os tipos a seguir:

Oxalato de Cálcio e Cálcio

Grande parte dos cálculos renais é formada através das pedras de oxalato de cálcio, uma substância frequentemente presente nos alimentos. Alguns legumes e frutas, como a noz e o cacau, possuem abundância de oxalato, que também é produzido pelo fígado. Alguns fatores de nutrição, altas doses de vitamina D, cirurgia intestinal, entre outros inúmeros transtornos metabólicos podem maximizar a concentração de oxalato ou cálcio na urina.

pedra nos rins

Infecção

Os cálculos renais podem se formar devido a uma resposta do organismo a uma infecção de trato urinário. Esses fragmentos podem se desenvolver bruscamente e se tornarem grandes, por vezes sem apresentar sintomas ou indícios.

Ácido Úrico

As pedras de ácido úrico podem se produzir em pessoas que não tomam ou perder muito líquido, além daqueles que consomem uma alimentação rica em proteínas e gorduras, e, por fim, aqueles que possuem Gota. Alguns termos genéticos também podem ser uma ameaça para a formação das pedras de ácido úrico.

Cistina

As partículas de cistina podem se formar em pessoas que possuem a Cistinuria, uma doença hereditária em que os rins eliminam opulentamente certos aminoácidos.

Tratamentos dos Cálculos Renais

  • Beber muita água – De 2 a 3 litros por dia pode ajudar a purificar o sistema urinário.
  • Medicamentos – Analgésicos podem ser receitados pelo médico para atenuar a dor. Outro tipo de medicamento mais intenso, conhecido como bloqueador alfa, pode ser indicado para fazer com que a pedra seja eliminada mais facilmente.
Diminuidor

Comente!




*Campos obrigatórios

Os artigos desse site contém informações baseadas em pesquisas, estudos, consultas, experiências pessoais e livros. Deve-se sempre consultar um médico antes de tomar qualquer medida.