Dor Muscular Tardia (DOMS)

A dor muscular tardia é uma lesão recorrente após um esforço muito grande de um músculo após a atividade física. Saiba mais.

Artigo publicado por Roberto Magalhães nas categorias: Dores

Diminuidor

Uma dor muito forte que pode se estender por até 24 horas após um exercício físico. Este fato é familiar a você? Saiba que este desconforto tem nome e trata-se de uma resposta do organismo ao esforço descompensado. A dor muscular tardia, também chamada de DOMS, é o incômodo que surge após a atividade física que abrange o aumento de intensidade, duração, movimentos incorretos e abuso exacerbado de um músculo ou membro do corpo.

dor muscular

Causas da dor muscular tardia

A DOMS ocorre através de um trauma causado no tecido devido ao exercício pesado no qual o corpo não está acostumado, ou não teve a devida preparação (aquecimento e alongamento) antes da prática. Os sintomas resultantes da dor muscular tardia são a diminuição da flexibilidade muscular, velocidade de contração e ângulo de contração, e cansaço.

Esse tipo de esforço afeta a membrana da célula muscular, desencadeando numa resposta inflamatória, que conduz a formação de produtos metabólicos atuantes como um estímulo químico para as terminações nervosas responsáveis ​​pela sensação de dor.

Sintomas de dor muscular tardia

Os principais sintomas da DOMS são: dor, inchaço, fadiga muscular, ausência de força. Esses acontecimentos podem durar até 5 dias, passando desse período, um ortopedista ou clínico geral deve ser procurado para indicar um tratamento e analisar o problema.

Tratamentos para a dor muscular tardia

dor muscular tardia

Antiinflamatórios não esteroides (AINEs), como aspirina e ibuprofeno, ajudam a aliviar os sintomas.

Suplementos alimentares que contenham propriedades antioxidantes, como vitaminas C e E, auxiliam na redução da proliferação de radicais livres, que podem surgir com a inflamação e piorar ainda mais a dor no local afetado.

O aquecimento antes da atividade física é ideal para preparação do corpo e melhorar o desempenho atlético, e também reduzir o dano muscular. Isso porque o ato aumenta a temperatura muscular, a elasticidade e a resistência do tecido muscular.

A massagem suave no local pode ajudar a aliviar a dor, assim como alguns tratamentos alternativos, tais como: acupuntura, terapia com florais e shiatsu.

Colocar uma bolsa quente no local afetado ou realizar a imersão em uma banheira com água quente auxiliar na redução da dor.

Se houver inchaço na região, aplique uma bolsa gelada ou uma toalha enrolada em cubos de gelo.

Prevenção da dor muscular tardia

Uma das melhores maneiras de reduzir a DOMS é evitar a possibilidade de tê-la ao respeitar os seus limites.

Se você está apenas começando um programa de exercícios, inicie lentamente e vá aumentando o ritmo, a intensidade e a duração do treino aos poucos.

Mantenha uma alimentação balanceada e rica em proteínas e nutrientes.

Considerações sobre a dor muscular tardia

É importante entender a diferença da DOMS, que ocorre dias após o esforço físico e pode persistir por até uma semana, e a dor muscular comum, que pode ocasionar algumas horas depois do exercício e durar até 2 ou 3 dias.

Diferente das lesões, a dor muscular tardia é uma dor retardada após o esforço físico exacerbado, e, quando o músculo se acostumar com o exercício.

Diminuidor

Comente!




*Campos obrigatórios

Os artigos desse site contém informações baseadas em pesquisas, estudos, consultas, experiências pessoais e livros. Deve-se sempre consultar um médico antes de tomar qualquer medida.