Febre da Mordedura de Rato

Confira os detalhes desta doença causada pela mordida de roedores contaminados

Artigo publicado por Roberto Magalhães nas categorias: Doenças

Diminuidor

A febre da mordedura de rato, também conhecida como febre da mordida, é uma doença não muito comum, mas bastante grave. A doença é causada pelas bactérias presentes na boca dos roedores.

Apesar do nome, a doença não é transmitida apenas pela mordida do rato. O indivíduo também pode ser infectado na ingestão de alimentos que estiveram em contato com o rato portador da bactéria ou até mesmo no contato com as fezes e urinas dos roedores. Se o rato lamber alguma ferida berta do indivíduo também pode transmitir a doença. Apesar de sr uma doença associada à lugares e ambientes sujo, ratos de laboratório ou até mesmo os de estimação também podem contaminar o paciente e transmitir a Febre da Mordedura.

Em casos mais graves, a doença pode levar à complicações como endocardite, pneumonia, pericardia e infartos.

febre

Sintomas

Os pacientes da Febre da Mordedura de Rato possuem sintomas variados. Os principais sintomas são arrepios, calafrios, febre alta, vômitos, dor de cabeça, dores no corpo, principalmente nas costas, manchas avermelhadas nas mãos e pés e o aparecimento de tumores e ínguas nas articulações. É importante ficar atento aos sintomas para evitar que a doença evolua aumentando a dificuldade do tratamento.

Diagnóstico

O diagnóstico da doença é feito basicamente com a coleta de exames sanguíneos Amostras de líquido sinovial, de linfonodos e até biopsia de tecidos da pele também ajudam a diagnosticar a evolução da bactéria no corpo humano. É importante o acompanhamento médico, clínico e hospitalar para reduzir os riscos de evolução rápida da bactéria que pode levar o paciente à complicações mais graves.

rato

Prevenção

Para se prevenir a Febre da Mordedura é necessário eliminar os redores do local de sua convivência. Por se tratar de uma doença transmitida por uma praga, é necessário tomar cuidado com condições básicas de saneamento básico. Manter locais limpos e evitar o acúmulo de lixo e de entulhos pode servir como prevenção para a doença.

Lavar bem os alimentos e as mãos também auxiliam e previnem o acometimento pela doença da Febre da Mordedura do Rato.

Tratamento

O tratamento de pacientes da Febre da Mordedura do Rato é feito basicamente com a ministração de medicamentos antibióticos. A principal substância utilizada no tratamento desta doença é a penicilina, que deve ser ministrada por via venosa ou oral. É importante ressaltar que se o indivíduo acometido pela febre for alérgico a uso da penicilina, a substância poderá ser substituída pela eritromicina ou pela tetraciclina.

Mais uma vez é importante ressaltar a importância do início rápido do tratamento, já que a demora pela busca de acompanhamento médico pode causar a evolução do quadro e problemas maiores, como problemas cardíacos e o aparecimento de tumores cerebrais, podem levar o paciente ao óbito.

A doença tem cura, mas é necessário agir rápido. Como evolui rapidamente, o início do tratamento com a penicilina, ou com outras substâncias antibióticas, em caso de alergia, deve ter início imediato.

Diminuidor

4 comentários

  1. alexandre vieira rodrigues (16/04/2014)

    po fui mordido pelo um rato hoje 16/o4/2014 pela manha vindo para o trabalho ai fui me medicar na UPA la eles me informaram para ir ao MIGUEL COUTO tambem nao fui medicado ai me mandaram la para o lorenço jorge e chegando la fui me informa com uma doutora ; ela me passou que unica soluçao que eu poderia tomar seria lavar o local com agua e sabao esse seria o procedimento certo ou eu teria que tomar algum medicamento quer dizer nao fizeram nada as pessoas aqui da empreza acharam um procedimento meio estranho por nao tomar pelo menos uma vacina nao ?

  2. Cláudia (06/05/2014)

    Aconteceu o mesmo comigo hoje.Minha filha foi mordida pelo rato fui a 3 hospitais e nenhum deles receitaram nada estou com muito medo , pois minha filha tem 3 anos.Vou ao pediatra amanha e falar dessa doença e espero que ela receite a vacina de penicilina.

  3. Luciana (07/11/2014)

    Estou assustada, ha alguns dias comecei a inchar e dores nas articulações, com nódulos nos musculos da perna, fui ao pronto socorro com suspeita de trombose o que não foi diagnosticado. Hoje eu mexendo na minha dispensa me deparei com vários alimentos com a embalagem roida de rato, e o pior é que tenho usado os alimentos desse local, inclusive um açúcar que estava semi aberto e macarrão, entrei em panico!!!

  4. Ana (27/03/2015)

    meu filho de 3 anos foi mordido por um rato, passei por dois hospitais, o primeiro (Sao Camilo de Sao Paulo, hospital particular) receitou antibiotico oral e local e pediu que eu o levase num publico pra tomar vacina anti rábica. Chegando no publico (PS de Santana, SP) me disseram que nao precisa de vacina anti rabica, só do antibiotico. ainda assim estou preocupada, pensando em procurar uma terceira opiniao.

Comente!




*Campos obrigatórios

Os artigos desse site contém informações baseadas em pesquisas, estudos, consultas, experiências pessoais e livros. Deve-se sempre consultar um médico antes de tomar qualquer medida.