Lipoaspiração

Saiba como é o procedimento de lipoaspiração e em que casos é indicada

Artigo publicado por Roberto Magalhães nas categorias: Procedimentos Cirúrgicos

Diminuidor

Todo mundo conhece alguém que vive brigando com a balança, com aqueles eternos quilinhos que a pessoa tenta e tenta, mas eles não desgrudam de maneira alguma, não é verdade?! E hoje, com o avanço da medicina os métodos estão muito mais fáceis e auxiliam a conquistar o visual perfeito. Alguns desses procedimentos que surgiram com o tempo foi a lipoaspiração, procedimento que ajuda da perda de gorduras localizadas, os famosos culotes e dobrinhas horrorosas que deixam a auto estima lá embaixo. Entenda melhor como funciona a lipoaspiração e quando é indicada.

cirurgia de lipoaspiração

O que é lipoaspiração

A lipoaspiração é um método cirúrgico para eliminar gordura localizada de diversas regiões do corpo após dietas para emagrecer. Algumas pessoas confundem achando que é um procedimento que ajuda a emagrecer, mas na verdade a técnica apenas elimina a gordura localizada em áreas do corpo após o emagrecimento, no qual é aspirada com o equipamento cirúrgico adequado.

Mas atenção, não adianta apenas fazer a lipo, também deve ser seguida uma dieta equilibrada acompanhada de atividades físicas e ingestão de alimentos ricos em vitaminas, fibras e proteínas essenciais para manter o peso e dar adeus aquele excesso de gordura nas regiões do abdômen, barriga, bumbum e outras regiões com gorduras localizadas

Como é o procedimento

Como todo procedimento tem os seus ricos como de infecção hospitalar ou generalizada, complicações com a anestesia e outras reações que podem ser evitadas se forem feitos os exames pré-operatórios corretamente e seguidas as orientações do médico cirurgião. Como toda cirurgia também causa desconforto e fortes dores.

Verificar a clínica ou hospital onde será realizada a lipo também é de extrema importância para evitar problemas mais severos. Geralmente, a lipoaspiração é feita por meio de aspiração ou de seringa para retirar o excesso de gordura localizada em algumas regiões do corpo. Independentemente do método a ser escolhido, o importante é ter consciência do motivo que o leva a fazer, deve ser avaliado os motivos e causas.

Em que casos é indicada

A lipoaspiração é indicada para pessoas que após emagrecer com a dieta ficam com gorduras localizadas mais difíceis de eliminar, ou então em casos de pneuzinhos em algumas regiões do corpo que incomodam de forma a deixar a pessoa com a auto estima abalada, A cirurgia é indicada para eliminar de 5 a 7 quilos de gorduras localizadas, mais que isso deve ser verificado com o especialista outro método ou uma dieta mais significante de acordo com o perfil da pessoa.

lipoaspiração

Ou seja, tudo deve ser avaliado antes de optar pela lipoaspiração, para que a escolha seja segura e não traga complicações ao paciente. Pois há casos em que a pessoa faz a lipoaspiração e recupera todas as gorduras eliminadas em algumas semanas ou meses. Nestes casos, acontecem, pois a pessoa não fez a dieta correta. Algumas mulheres acabam fazendo a lipoaspiração após o parto, o que não é indicado, a indicação é somente depois de seis a nove meses, para evitar riscos e complicações cardíacas por conta do procedimento.

Quanto Custa uma Lipoaspiração

A Cirurgia de lipoaspiração, em pequenas áreas, custa em torno de 4 a 5 mil reais, já numa área grande, pode custar até 10 mil reais, dependendo da clínica.

Diminuidor

1 comentário

  1. Camila Sório Souza (28/03/2016)

    Bacana as informações da matéria. Quando fiz a lipoaspiração no abdômen, o meu médico, o Dr. Wagner Montenegro (da clínica Montenegro Cirurgia Plástica) conversou bastante comigo durante a consulta e tirou todas as minhas dúvidas, além de me orientar cuidadosamente sobre tudo o que deveria fazer antes e depois da cirurgia, no pós-operatório. O resultado, claro, não poderia ser outro: ficou perfeito!

Comente!




*Campos obrigatórios

Os artigos desse site contém informações baseadas em pesquisas, estudos, consultas, experiências pessoais e livros. Deve-se sempre consultar um médico antes de tomar qualquer medida.