Salmonelose

Conheça o que é e quais as principais causas dessa doença infecciosa causada pela ingestão de um tipo de bactéria

Artigo publicado por Roberto Magalhães nas categorias: Doenças

Diminuidor

Também conhecida como Gastrenterite por Salmonelas, a Salmonelose é uma doença infecciosa causada por diversos e diferentes tipos de bactérias, todas da família Enterobacteriaceae. A Salmonelose é o tipo mais comum de intoxicação alimentar em todo o mundo e as bactérias contaminam o organismo da ingestão de alimentos crus ou mal cozidos. Carnes em geral, aves, ovos, leite não pasteurizado e seus derivados, além da água são os alimentos mais propícios a estarem contaminados com as fezes da bactéria causadora da Salmonelose.

vírus salmonela

A salmonela é uma bactéria que possui extrema capacidade de se reproduzir no organismo e quando alcança a corrente sanguínea consegue atingir diversos órgãos vitais do corpo humano. Normalmente ela se aloja e se reproduz no intestino do acometido, mas com a sua reprodução logo alcança outro órgãos de maneira severa.

Sintomas

Os principais sintomas da Salmonelose são febre, dor de cabeça, náuseas, enjoo, vômitos, falta de apetite, cólica e diarreia. O paciente pode apresentar ainda fortes dores abdominais, sensação de calafrios, desidratação e sangue nas fezes.

Quando a bactéria causadora alcança a corrente sanguínea do paciente, o quadro é considerado mais grave, pois a partir daí ela começa a atingir outros órgão vitais do corpo humano. A doença pode ser fatal em pacientes na fase infantil e em idosos.

Diagnóstico

Além do histórico do paciente, da análise dos sintomas apresentados e dos hábitos e histórico alimentar do acometido, o exame de análise da amostra de fezes do paciente também são essenciais no diagnóstico seguro da doença. A análise do resultados do exame de fezes do paciente consegue detectar com segurança a presença ou não da bactéria que causa a Salmonelose. Em casos mai evoluídos, pode ser necessário também a coleta e o exame de sangue do paciente para identificar e verificar se a bactéria está presente na corrente sanguínea do acometido.

É importante que o diagnóstico seja feito rapidamente para o início imediato do tratamento, já que a reprodução da bactéria no organismo pode causar problemas bastante graves para o acometido.

Prevenção

As dicas que ajudam a se prevenir da Salmonelose são bastante fáceis e simples de serem seguidas. Dicas e hábitos básico de higiene, como o correto manuseio, armazenamento, limpeza e feitura do alimentos são atitudes simples que reduzem bastante o risco de contaminação pela salmonela.

ovo portador de salmonelose

Lavar as mãos após utilizar o banheiro e antes das refeições, ferver bem o leite não pasteurizado, e evitar o consumo de alimentos, principalmente carnes, crus também ajudam na prevenção.

Beber somente água filtrada ou fervida e armazenar os alimentos sempre sob refrigeração também ajudam a reduzir os riscos da presença da salmonela.

Tratamento

O tratamento para a Salmonelose é feito basicamente para garantir a redução e a diminuição do sintoma do paciente. Portanto, o tratamento deve ser feito com a hidratação do paciente, feita com base na ingestão de soros fisiológicos, e, em casos mais graves, com a utilização e a ingestão de medicamento antibióticos. A toma de medicamentos é indicada quando a bactéria alcançar a corrente sanguínea do paciente.

Diminuidor

2 comentários

  1. Ramon Roberto Skrenski (14/06/2014)

    Só falto a Transmissão !

  2. Alyce Fidelis (12/04/2015)

    É verdade Ramon Skrenski mas mesmo assim me ajudou bastante na pesquisa.

Comente!




*Campos obrigatórios

Os artigos desse site contém informações baseadas em pesquisas, estudos, consultas, experiências pessoais e livros. Deve-se sempre consultar um médico antes de tomar qualquer medida.