Tendinite

É muito comum ouvir alguém reclamar de tendinite e ela pode ocorrer com qualquer pessoa que não se cuidar. Confira abaixo mais informações sobre o problema e aprenda a se prevenir.

Artigo publicado por Roberto Magalhães nas categorias: Dores

Diminuidor

Os tendões são como uma espécie de cordões resistentes e fibrosos do tecido conjuntivo que unem os músculos aos ossos. A tendinite, por sua vez, é uma inflamação deste tendão. A condição também pode envolver a bainha do tendão, geralmente perto de onde o tendão se junta ao músculo.

Causas da tendinite

tratamento de tendinite

A causa mais comum de tendinite é o excesso de movimentos repetitivos de atividades recreativas, esportivas, ou ocupacionais. Os fatores de risco para a tendinite incluem o movimento repetitivo, algum trauma, lesão térmica do tendão, a utilização de certos antibióticos (tais como a levofloxacina e ciprofloxacina), e tabagismo. A tendinite pode também ocorrer em pessoas com doenças como a artrite reumatóide , obesidade , e diabetes.

Sintomas e sinais da tendinite

O principal sintoma da tendinite é a dor no tendão afetado. O desconforto geralmente piora com o movimento repetitivo, mas também pode estar presente enquanto o membro estiver em repouso. Também pode ocorrer inchaço ou inflamação sobre o tendão.

Quando a procurar um médico

Se você estiver sofrendo com os sintomas da tendinite, vale consultar um médico para que ele descarte outras hipóteses que justifiquem a dor, tais como:

  • Algum tendão rasgado ou inflamado
  • Artrite inflamatória ou degenerativa
  • Bursite
  • Tenossinovite infecciosa

Consulte um médico imediatamente em caso de:

  • Febre
  • Aumento do inchaço ou vermelhidão no local da dor
  • Aumento dos sintomas, sem alívio com o tratamento em casa.

Tratamentos para a tendinite

tendinite

  • Descanso
  • Uso de medicamentos antiinflamatórios não esteroides (AINEs) ou analgésicos.
  • Coloque gelo na área prejudicada por 20 minutos uma vez a cada duas horas durante pelo menos os dois primeiros dias. Enrole o gelo em uma toalha para proteger a sua pele, ou utilize uma bolsa fria. Seu médico pode recomendar o uso prolongado de gelo.
  • Eleve e imobilize a extremidade afetada.
  • Use munhequeiras e/ou talas para manter a área lesada de ombros, braços e pulsos se moverem. Para outras partes do corpo, faça a compressão com bandagens a fim de minimizar a inflamação.
  • Comece um programa de exercícios para desenvolver a força muscular e a capacidade de movimento após a fase aguda da dor. Verifique com um fisioterapeuta qual a melhor prática.
  • Existem tratamentos experimentais que podem melhorar a tendinite como a escleroterapia, acupuntura e massagens locais. Consulte o seu médico.
  • Se a dor for grave, o médico pode aplicar-lhe uma injeção de esteroides. O que pode ajudar a diminuir a dor e o inchaço, mas não deve ser realizada muitas vezes já que os esteroides podem enfraquecer o tendão, tornando-o vulnerável à ruptura.
  • Consulte um profissional sobre a terapia extracorporal por ondas de choque. Esse tipo de procedimento tem tido bons resultados no tratamento da tendinite.
  • Raramente uma cirurgia pode ser indicada para o caso de tendinite, sendo um procedimento de última instância, isso se os outros métodos não funcionarem.

Prevenção para a tendinite

  • Fazer uso de uma técnica adequada durante a prática de esportes ou atividades ocupacionais.
  • Aquecer e minimizar o uso excessivo e movimentos repetitivos dos músculos relacionados.
  • Dê um tempo na atividade física ou ocupacional se perceber qualquer sinal de dor.
Diminuidor

Comente!




*Campos obrigatórios

Os artigos desse site contém informações baseadas em pesquisas, estudos, consultas, experiências pessoais e livros. Deve-se sempre consultar um médico antes de tomar qualquer medida.